Ceratocone é uma doença que que pode ocasionar a deformação da córnea. A deformidade resulta na perda de sua anatomia esférica e, por consequência, dificuldade visual progressiva. Ela não é inflamatória e provoca percepção de visão distorcida. A ceratocone é quase sempre evolutiva, igual ao astigmatismo, mas pode parar em algum nível em determinados casos.

 

Em que idade o ceratocone mais aparece?

O ceratocone, na maioria dos casos, manifesta-se na adolescência. No entanto, crianças são frequentemente diagnosticadas com a doença.

 

Quais os sinais mais frequentes do ceratocone?

Astenopia (vista cansada ou fadiga visual) e dificuldade progressiva de foco. Como inicialmente parece um astigmatismo irregular, pode trazer sinais de um possível vício em franzir a testa e apertar os olhos (fazer caretas para tentar focar a visão), cefaléia, redução do desempenho escolar, dentre outros.

 

O ceratocone pode levar à cegueira?

Em casos avançados, o ceratocone pode gerar perda subtotal da visão. Na fase final da doença, quando acontece o fenômeno da hidropsia, pode ocorrer uma mancha branca que aparece no centro da córnea. Nestes casos, há o surgimento de cegueira subtotal.

 

Ceratocone tem cura?

Sim. Existem dois padrões principais de tratamento: o implante de anel intra-estromal e o crosslinking. Resumidamente, implante de anel se faz quando a deformidade e o prejuízo visual resultante já são expressivos. O anel melhora, via de regra, o desempenho visual.

 

Crosslinking é utilizado para estabilizar a doença, já que o ceratocone é progressivo. Em muitos casos, o procedimento é associado ao implante de anel, com ótimos resultados. O transplante de córnea hoje é relegado a segundo plano. Resumindo, a cura pode vir pelo uso dos óculos, das lentes de contato ou da cirurgia.

 

Óculos: a primeira opção que o paciente recebe é a prescrição dos óculos. Nesse caso a doença ainda é inicial e pode ser controlada.

 

Lentes de contato: se os óculos não oferecerem uma adequada acuidade visual, a prescrição a seguir é a lente de contato. Além do oferecimento de uma melhora visual, a lente assegura a saúde fisiológica da córnea.